O que é Automação Industrial – Parte I

No primeiro artigo desta série, vou me empenhar para resumir uma dos questionamentos mais recorrentes que temos aqui no blog Automação Industrial. Vou tentar oferecer aos nossos leitores, principalmente aos mais leigos, uma visão resumida sobre a dúvida “O que é automação industrial?”.

O que é automação industrial?

 

Afinal, o que é automação industrial?

Para entender o que é automação industrial, vamos primeiramente voltar aos anos 50. Foi nessa época, também conhecida como anos dourados, que o termo automação começou a se popularizar. Assim, descrevia-se a movimentação automática de materiais.

Vale a pena destacar que desde a segunda metade do século XVIII o homem já estava tentando avançar no campo da automação quando o sistema de produção agrário e artesanal da Inglaterra transformava-se em industrial.

De volta ao século XXI, se você refletir por um instante, poderá notar o quanto a automação faz parte do nosso dia-a-dia. Começando ainda pelo momento em que acordamos com o nosso despertador (rádio-relógio, celular, TV, etc.), já programado para ser ativado em um horário pré-determinado.

Não raro, esses sistemas estão interligados a diversos outros processos de automação maiores. Para ficar mais claro, pense no funcionamento de um metrô. Trazendo para a nossa realidade… o sistema de metrô, a grosso modo, é um conjunto de vagões que devem parar em locais pré-determinados ao longo de um circuito fechado. Entretanto, os próprios vagões possuem seus sistemas de automação.

Alguns exemplos são:

  • Fechar as portas;
  • Aumentar gradativamente a velocidade a medida que se afastar da estação;
  • Anunciar o nome da próxima estação através do sistema de áudio;
  • Diminuir gradativamente a velocidade ao se aproximar da próxima estação;
  • Parar na estação;
  • Aguardar um determinado intervalo de tempo;
  • Repetir ciclo.
E indo um pouco mais afundo, também vamos perceber que os aparelhos de ar-condicionado presentes dentro de cada vagão do metrô possuem suas próprias rotinas automatizadas. Como, por exemplo, ligar caso a temperatura esteja acima de 25° C.

Vocês estão conseguindo entender?

 

Automação vs. Mecanização

Para finalizar, um ponto que vale destacar é a diferença entre a automação e a mecanização. Mesmo que em um primeiro instante estas duas palavras possam dar a impressão de ter um significado semelhante, seus conceitos são completamente diferentes. A automação permite realizarmos algum trabalho através de máquinas controladas automaticamente. Já a mecanização, simplesmente se limita ao emprego de máquinas para executar alguma tarefa, substituindo o esforço físico.

 

Qual o seu conceito de Automação Industrial?

Mostramos aqui um pouco sobre a origem do conceito de automação, assim como também a diferença entre os termos automação e mecanização. Para o segundo artigo da série “O que é automação industrial?”, vou mostrar como foi o desenvolvimento da automação ao longo dos últimos séculos até chegar nos dias atuais.

Leia aqui a segunda parte deste artigo.