Conheça as novidades do Raspberry Pi Model B+

Pouco maior do que um cartão de crédito, o Raspberry Pi é um potente microcomputador de baixo custo que roda em Linux, dando forma a projetos onde é possível criar e automatizar praticamente de tudo. O sucesso tem sido tão grande, que a nova versão do Raspberry Pi Model B+ acaba de ser lançada.

Raspberry Pi: Pequeno e Poderoso 

A ideia inicial dos criadores do Raspberry Pi era de facilitar o ensino nas linguagens de programação (Linux) e criação de projetos de TI, principalmente entre estudantes de  escolas da Grã-Bretanha, Europa e Oriente Médio.

Mas, o pequeno computador de baixo custo acabou ultrapassando essas fronteiras: devido a sua capacidade de integração com o mundo externo, o Pi passou a fazer parte de inúmeros projetos de engenharia, gerando milhares de possibilidades para um hardware que, originalmente, fora construído para uma única finalidade.

O Raspberry Pi trata-se de um microcomputador baseado num SoC (system on chip), que integra  um processador ARM que funciona a velocidade de 700Mhz, uma GPU (unidade de processamento gráfico) e uma memória RAM de 512MB. Com processador ARM, o Pi suporta sistemas operacionais baseados em Linux, com linguagem oficial Python.

Desde que foi lançado, o Raspberry Pi ultrapassou os 2,5 milhões de vendas, superando as expectativas de seus idealizadores, a Raspberry Pi Foundation, uma organização sem fins lucrativos localizada no Reino Unido.

O microcomputador pode ser usado como qualquer outro PC, já que pode ser conectado a qualquer item de hardware. Como seus componentes ficam visíveis (todo o hardware é integrado numa única placa de circuito impresso), foi possível entender a arquitetura do seu pequeno sistema, o que o tornou parte integrante dos mais diferentes projetos de eletrônica.

Em resumo, o Raspberry Pi é um pequeno mas poderoso dispositivo, que facilita explorar a computação e aprender a programar em linguagens como o Python, por exemplo.É capaz de fazer tudo o que se espera de um computador, desde navegar na internet e jogar games de alta definição, a criar planilhas, processar textos e muito mais. O Raspberry Pi interage com o mundo exterior e, por isso, tem sido usado em uma ampla gama de projetos digitais.

Existe ainda uma série de acessórios e periféricos que podem ser adquiridos separadamente para o pequeno Raspberry Pi, dentre eles:  caixas de acrílico para montagem de protótipos,  adaptador WiFi , conversores HDMI para DVI e VGA, cabos, conectores e muitos outros.

Raspberry Pi Model B+

Novidades do Raspberry Pi Model B+

Em torno das possibilidades quase infinitas do Pi, formou-se uma enorme comunidade de técnicos e engenheiros de diversos segmentos, que o tornaram ainda mais poderoso e flexível: o Raspberry Pi Model B+ é a nova versão do pequeno computador.

Apesar de manter o mesmo processador ARM, alguns dos destaques do novo modelo são:

  • 4 portas USB (o modelo anterior tem apenas duas), que possibilita conectar mais periféricos como teclado, mouse, webcam, microfones, etc;
  • 40 pinos GPIO que acomodam componentes periféricos como os LEDs ou sensores; mantendo a compatibilidade com o modelo A, que tem 26 pinos;
  • Slot para cartão Micro SD ao invés do SD presente no modelo anterior;
  • 512MB de RAM;
  • Menor consumo de energia (entre0,5 We1W), o que é importante para projetos com aplicações móbiles (robótica);
  • Melhor desempenho de áudio através de uma fonte de alimentação independente, o que evita que a flutuação de tensão na conversão de analogico por digital causasse interferencias caso o circuito DAC estivesse sendo alimentado junto com o audio;
  • Design mais limpo que o modelo anterior e, além disso, a PCI tem cantos arredondados, com melhor fixação devido à mudança nas furações;
  • Foram incluídos 2 leds de status na placa;

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=iP3RxoxYMFw]

 

Projetos incríveis com o Raspberry Pi

Aos poucos, o Raspberry Pi tem se tornado tão famoso quanto o Arduíno quando o assunto é criar projetos de automação. Embora existam diferenças importantes entre os dois, o Pi vem sendo usado para construir desde brinquedos até equipamentos de monitoramento espacial, demonstrando que a versatilidade do pequeno computador é praticamente infinita.

Veja exemplos de alguns dos projetos mais incríveis e populares construídos com o Raspberry Pi:

  • Mini fliperama de mesa com display OLED e alimentação por pilhas;
  • Balões meteorologicos que capturam imagens e as transmitem em tempo real,  via ondas de radio, para o centro de controle;
  • Cluster construido com Legos e 64 Raspberry Pi conectados por Ethernet;
  • Computador de bordo para carros;

Outras possibilidades com Raspberry Pi:

  • Criar a sua própria “cloud”;
  • Construir um media Center particular para a sala de estar;
  • Controlar lampadas, sensores, circuitos de filmagem;

Conheça alguns projetos interessantes neste link.

Onde encontrar o Raspberry Pi Model B+

O Raspberry Pi Model B+ está à venda nos distribuidores parceiros tradicionais da Fundação: Farnell/Newark/Element 14 e RS Components. O preço de lançamento é de US$ 35, mas incluindo impostos e transporte, pode beirar os R$ 200 por aqui.